TORNA-TE QUEM TU ÉS!



A evolução é um fato observável, não é um delírio ideológico. Ainda existem lacunas, claro, mas serão preenchidas no devido tempo, a base já se tem e não é fraca. Já a única base para a existência de deuses é a psicológica e cultural fruto da natural necessidade humana de buscar divindades para não assumir a responsabilidade de sua própria existência. Não poder afirmar uma coisa não quer dizer que seu oposto seja verdadeiro, ou seja, não poder ter 100% da evolução explicada não quer dizer que a humanidade surgiu de um estalo de dedos de um hippie místico.



É fácil provar que determinado deus não existe, basta ver as contradições que o cercam. Se um deus é realmente um deus ele deve ser perfeito, ele não se contradiz como o deus bíblico faz freqüentemente. Nem entregaria a sua palavra a pessoas que não entenderiam absolutamente nada. Imagine eu entregando a chave do meu carro a uma pessoa de nove anos e depois dizendo que ela se acidentou por causa do livre arbítrio. O que o ateu não sabe, ele admite e busca respostas, o teista não, ele é arrogante e afirma que quando não se tem respostas...pronto...foi um deus (o dele).

Um comentário:

Lucas Nícolas™ disse...

Adoro sair o tema teológico, pois nem todos os fenômenos ocorridos em nossas mentes são de fatos influenciados por alguma força divina, a A sociologia me encanta em certo ponto, mas como toda tese criada há seus pontos de discordância e reformulações...Conheci seu blog por uma menina muito inteligente que escreve poesias... Adoro poesia, e meu estilo de escrita de poesia as vezes toca nesse tema teológico e social... abraços seguindo aqui meu Brother...