TORNA-TE QUEM TU ÉS!

A simplicidade é o estado puro da inteligência,
é onde a sinceridade é mais evidente
e ainda não profanada pelo intelecto
em sua elaboração mais concreta.
As vezes me questiono sobre a validade dessa tal “inteligência”.
Concordo que racionalizar é buscar as verdades, e sem o intelecto seria impossivel combater doenças, buscar soluções para os problemas inerentes a condição humana, evoluir, etc.
Ok, eu entendo, mas me refiro ao relacionamento interpessoal.
Ao longo dos anos percebi que quanto mais se sabe, menos se deseja saber. Seria então a verdade algo tão desprezível?
Que verdade seria essa, tão buscada e execrada quando descoberta?
Como lidar com a verdade? Como ser mais gentil com todos? Como conviver sem impor?
Como aceitar as pessoas?
A única resposta que encontrei é a que vem da empatia.
É se colocar no lugar dos outros e tentar sentir o que eles sentem para poder entender certas atitudes. Julgar é inacreditavelmente fácil, mas entender é quase impossivel.
Temos que sofrer, e sugar cada momento de sofrimento como uma aula de sensibilização.
Temos que passar por momentos difíceis para nos depurar e entender o outro em seu momento de dor.

Nenhum comentário: